11 Músicas, 47 minutos

NOTAS DOS EDITORES

Poucas dores são mais universais e, ao mesmo tempo, mais particulares que a perda de um amor. E poucos artistas conseguiram sintetizar tão bem esse paradoxo quanto Adele. Em 21, seu segundo álbum, a britânica transformou todas as suas feridas sentimentais em um espetáculo soul que vai da melancolia à superação. Faixas como "Rolling In The Deep" mostram como ela traduz o fim de um romance em música.

NOTAS DOS EDITORES

Poucas dores são mais universais e, ao mesmo tempo, mais particulares que a perda de um amor. E poucos artistas conseguiram sintetizar tão bem esse paradoxo quanto Adele. Em 21, seu segundo álbum, a britânica transformou todas as suas feridas sentimentais em um espetáculo soul que vai da melancolia à superação. Faixas como "Rolling In The Deep" mostram como ela traduz o fim de um romance em música.

TÍTULO DURAÇÃO

Mais de Adele

Você também pode curtir